27 março 2012

será que você volta?

e nessa hora eu te chamo e conto minha teoria ou minha idéia que é complicada e foi pensada a partir de algo simples que eu compliquei. ou o contrário.

hipótese 1: você não vê sentido na idéia não consegue me explicar e volta pro seu lugar. lá você não consegue segurar o texto nem inventar outro assunto e silencia o ambiente.

hipótese 2: você entende tudo e concorda comigo, talvez até amplie e me mostre outras possibilidades. aí você volta pro seu lugar. lá você não consegue segurar o texto nem inventar outro assunto e silencia o ambiente.

qualquer uma das duas, não importa, é bom ter você perto. e o que já era difícil agora ficou mais difícil. é minha outra saudade pra eu sentir na cidade. é aquela coisa: esperar eu esperava, mas nada tanto assim.

Pedro.
x