27 setembro 2011

rock'n'roll, capítulo um.

O quanto ser pop hoje é ser aceito, ser rock continua sendo ser o inaceito. O princípio do rock é estético. A partir daí surge a quebra de padrões, a juventude. A sonoridade do rock é temporal. Não se confunde períodos. Elvis e Foo Fighters. E segundo o Rock'n'Roll Hall of Fame, Madonna também.

"They can rock, but they can't roll", disse Mick Jagger se referindo aos Beatles (e hoje, tendo os Rolling Stones se tornado uma lenda viva e os Beatles uma referência, essa frase soa como uma previsão).

Mais irreverência, menos pedantismo. Pélvis, o apogeu da Beatlemania, Warhol e o Velvet Underground. Ópera e frevo. “Uma parada bolada”. É, tipo isso.

Não vejo problema nenhum.
Seria bom se acabasse essa panfletagem idiota.
Roqueiro parece aqueles caras que ficam lendo bíblia na Sé, sabe aqueles?
E quando você para eles vão querer ler um trecho de um sermão?
Chato pacacete!
...
Para ler ouvindo: Baila Comigo (Rita Lee/Roberto de Carvalho)


Pedro.
x