17 maio 2011

ainda assim não clareou

não posso ser isso que diz sua canção
cadê meu fino trato? não tenho.
me prendem e eu gosto
e quando aperta
quem se faz de gato e sapato sou eu
pra mim

mas eu e você vemos as mesmas coisas
o sol amanhece mais de uma vez
igual
e não amanhece.
e não me perco.

Pedro.
x