13 março 2011

a ligação tá no fim

Ontem foi oficialmente meu último sábado em Sampa. Oficialmente decretado o fim das férias. E mesmo que me custe dormir na praia, saber da insuportável saudade e muitas vezes ser um outro eu, sei que vou ter que voltar pra faculdade e sinto falta de vários outros aspectos da minha vida em Rio das Ostras. Sinto falta dos meus amigos, da praia, do sol e principalmente das aulas e dos professores.

Apesar dos momentos de tédio, posso fazer um balanço bom dessas férias, desse grande tempo em casa, mas meus planos são de mudança para as próximas. Por que mudar é bom (ou isso é algo que o super-tradicional-Progresso tem que passar a acreditar para poder se adaptar a esse momento de mudança e todos os outros também). Gostei dos shows, gostei das festas, gostei do carnaval. O grande motivo desse gostar foi poder fazer tudo isso de uma forma que eu nunca fiz: junto.

Também foi bom não ter feito nada (de trabalho) pra saber que da próxima vez será a primeira coisa que eu vou fazer: procurar um trampo. Mesmo estando de férias as minhas saídas iam de acordo com os dias de trabalho dos outros. Sendo que de 2ª a 5ª nada acontecia, e de sábado e domingo eu mal parava em casa.

Desse jeito vou adaptando pra forma que vier todas as outras vezes.
Mas dessa vez foi assim. E foi bom assim.

Pedro.
x